quinta-feira, 10 de novembro de 2011

PepsiCo anuncia compra da fabricante de biscoitos Mabel



A PepsiCo anunciou nesta quinta-feira (10) a compra do Grupo Mabel, fabricante de biscoitos e salgadinhos. O negócio ainda está sujeito à aprovação do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica). A empresa não divulgou o valor do negócio.
O biscoito é o carro-chefe da produção da Mabel, que detém as marcas Mabel, Elbi’s, Kelly e Skiny. Já a PepsiCo é detentora das marcas Elma Chips, Quaker, Toddy e Toddynho.
O negócio será detalhado durante coletiva de imprensa às 16h30 em Goiânia, na sede da Mabel, com os principais acionistas da empresa.
"A PepsiCo vem concentrando esforços na construção de seu portfólio global de macrosnacks", informou comunicado da PepsiCo.
No entanto, nos últimos anos o grupo apostou na diversificação para atender principalmente à emergente classe C. Em decorrência disso, os salgadinhos têm ganhado importante participação na receita da Mabel.
Disputa
Além da PepsiCo, disputavam o negócio as empresas multinacionais Bunge e a Bimbo.

A Mabel foi fundada em 1953 por imigrantes italianos. Inaugurou sua primeira fábrica em 1962, em Ribeirão Preto (SP), e o primeiro parque industrial, em Aparecida de Goiânia (GO), em 1975. Depois, vieram as fábricas do Rio de Janeiro (89); Três Lagoas (MS), em 98; Itaporanga D'Ajuda (SE), em 2000; e Araquari (SC), em 2004.
O forte crescimento no mercado a partir dos anos 90 foi similar à carreira política de um dos seus principais proprietários, Sandro Mabel. Ele foi eleito estadual em Goiás pelo PMDB em 1990 e federal em 1994, 2002, 2006 e 2010. Ele, porém, foi voto vencido dentre os acionistas, já que não queria vender a empresa.
G1 com informações do Valor Online

Copyright © 2011 | Powered by Blogger

Formatação e Design | JM DESIGN e Programadores Associados | Criação, Design e Formatação de WebSites | jm.designgrafico@gmail.com