Adoção de IFRS dobrará notas explicativas no balanço do BNDES

Share:


A adoção da norma internacional de contabilidade (IFRS) dobrará o volume de notas explicativas no demonstrativo financeiro do Banco Nacional de Desenvolvimento econômico e Social (BNDES), aumentando a transparência da instituição, afirmou o superintendente da área de gestão de riscos do banco, Gil Bernardo Borges Leal.

De acordo com ele, as mudanças provocadas pela utilização do IFRS no Balanço do BNDES basicamente serão semelhantes às de outras empresas.

"A partir do IFRS, a decisão que se toma no Balanço tem de estar refletida com detalhes na demonstração financeira, nas notas explicativas. Isso vai aumentar a segurança do mercado", disse Leal, após participar do simpósio "O ensino da contabilidade baseado em IFRS", no Rio de Janeiro.

A assessora especial da presidência do BNDES para fins de normas internacionais de contabilidade e auditoria, Vania Borgerth, acrescentou que as informações do banco com o IFRS ficarão mais sintéticas e objetivas, mas com todo o detalhamento necessário para se fazer um julgamento de decisão de Investimento e concessão de financiamento.

"Antes, o contador lançava automaticamente informações no Balanço da empresa. Hoje, não. Ele é obrigado a saber o que aconteceu na empresa para refletir na contabilidade. Ao contrário do que muitos pensam, a informação em IFRS é mais segura", disse.

Uol Economia

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário